logo-site
05 07

Embalado, Atlético visita Jorge Wilstermann pelo duelo de ida das oitavas da Libertadores

Galo superou momento de instabilidade no ano e venceu os últimos três jogos

Melhor primeiro colocado da fase de grupos da Copa Libertadores, o Atlético chega embalado para o confronto de ida das oitavas de final da competição, contra o Jorge Wilstermann, às 21h45 desta quarta-feira, no Estádio Félix Capriles, em Cochabamba, na Bolívia. O Galo superou um momento de instabilidade na temporada, acumula três vitórias seguidas – quatro triunfos e um empate nos últimos cinco jogos – e, mesmo desfalcado, chega com um elenco forte para o duelo contra os bolivianos.

Para a partida em Cochabamba, o técnico Roger Machado não poderá contar com os titulares Leonardo Silva, lesionado, e Marcos Rocha, recuperado de lesão muscular, mas que não foi relacionado. E alguns dos reservas imediatos na defesa também estão vetados ou sendo poupados por desgaste físico, como é o caso de Luan. Felipe Santana, Erazo, Rodrigão, Carlos César e Lucas Cândido estão em tratamento no departamento médico do clube.

Na zaga, para fazer dupla com Gabriel, a escolha do comandante alvinegro é o jovem Bremer, campeão da Copa do Brasil Sub-20 com o Galinho e que entrou bem nas vitórias sobre a Chapecoense, fora de casa, e no clássico 500 contra o Cruzeiro, no domingo, no Independência, ambas pelo Campeonato Brasileiro. Na lateral direita, como também perdeu Carlos César, Roger tem Alex Silva, que teve o retorno solicitado pelo Atlético após empréstimo ao América.

Tanto Bremer quanto Alex Silva, além de Roger Bernardo, Valdívia e Marlone, não estavam no grupo de inscritos para a primeira fase da Libertadores e entraram na lista de seis trocas para as fases finais. O Atlético ainda deixou aberta a última alteração, que pode ser feita antes do confronto de volta das oitavas de final. A partida decisiva contra o Jorge Wilstermann está marcada para o dia 9 de agosto, no Independência.

Durante o treino de reconhecimento no gramado do estádio Félix Capriles, o técnico Roger Machado adiantou como será a postura do Galo nesse duelo de ida das oitavas. “Quero que a gente faça uma partida segura, madura, com inteligência, que saiba o momento certo de impor velocidade, de ter a bola, de contra-atacar e de propor o jogo. Aqueles que se credenciaram para estar nessa fase é porque fizeram jus. Nosso adversário é forte em seus domínios e a gente tem sido forte fora de casa também. Isso nos dá confiança”.

Jorge Wilstermann

O rival do Galo aposta suas fichas em uma vitória nesta primeira partida nas oitavas de final da Copa Libertadores. Com o fator altitude – o Estádio Félix Capriles está localizado a 2.560 metros de altitude, na cidade de Cochabamba –, a equipe boliviana tem 100% de aproveitamento em casa na competição. Na fase de grupos, venceu Peñarol, Atlético Tucumán e Palmeiras jogando como mandante.

Dos jogadores do Wilstermann, dois são conhecidos do futebol mineiro. O zagueiro Alex Silva, com passagem pelo Cruzeiro, e o armador Carlinhos, ex-URT, estão no elenco do clube boliviano e podem enfrentar o Galo. O primeiro será titular, enquanto o segundo deve ficar no banco. Os bolivianos contrataram três atletas para as oitavas da Libertadores: Serginho, Carlinhos e Óscar Vaca.

*Estado de Minas

Gostou do Post? Compartilhe:
Deixe seu comentario